[RESENHA] Metrovinos : A Origem (Série Redenção) por M.A. Costa

DSC03771

Hey pessoas!

Quem acompanha o blog deve ter visto os posts que fiz sobre o primeiro livro da série Redenção. Eu fiquei super animada com o primeiro livro, Legionella, e me apaixonei pelo personagem principal, o Peter. Desde então, tenho vivido na espectativa do próximo livro.

Por meio desta obra,conheci o que veio a ser um dos meus autores favoritos,e além disso, autor parceiro do Hey Ysa. E durante o evento de divulgação do primeiro livro, M. A. Costa havia falado que pretendia investir no universo do Redenção: fazer jogos, quadrinhos e contos para o universo estendido. E a ideia saiu do papel.

Marcelo já lançou o RPG do livro e semana passada lançou o primeiro conto do “universo expandido” do Redenção. E galera,só tenho uma coisa a dizer: eu quero o próximo livro agora!!

FICHA TÉCNICA

ISBN:  B00XTGGRKY

Páginas: 20

Nota: ★★★★★

Sinopse: Este conto narra as primeiras 72 horas após o Grande Terremoto de Xangai em 2108. Conta a luta pela sobrevivência de um homem aprisionado nos escombros. Escombros que se tornariam a morada de milhares de chineses contribuindo para uma sociedade que 300 anos depois seria denominada ‘metrovina’.  (Skoob)

O CONTO

Simplesmente apaixonante!

O conto começa de forma eletrizante, nos contando em detalhes os primeiros minutos após o Grande Terremoto de Xangai.

“No centro da Cidade Velha o tremor veio como um dragão furioso acordando que,descobrindo estar acorrentado,rugiu e rasgou a Terra para das espaço a sua escapada.”

Dessa forma, M. A. Costa consegue prender o leitor durante 20 páginas tensas. Nesse conto vemos a luta do que veio a ser o primeiro metrovino. Um homem que estava no metro na hora que o terremoto atingiu Xangai e se tornou um dos sobreviventes do desastre. Acompanhamos na luta pela sobrevivência até achar os outros chineses sobreviventes que viriam a formar a sociedade dos metrovinos que conhecemos no primeiro livro do Redenção: Legionella.

Esse conto da ao leitor também uma ideia do tamanho do desastre ocorrido,já que no Redenção: Legionella somos apresentados aos metrovinos como uma sociedade já, e não sabemos em detalhes como tudo aconteceu e como eles chegaram até ali.

Apaixonante, acho que é essa é a melhor palavra para caracterizar esse conto. A forma como ele termina deixa o leitor arrepiado e louco para que o próximo livro da série seja logo lançado.

Por fim, recomendo fortemente que leiam o conto e é claro, leiam o livro do primeiro. (Resenha : Redenção).

Um abração e até mais.

Acompanhe o Blog nas redes sociais:

Facebook  Twitter Tumblr  Pinterest  Ask  Skoob

Anúncios

2 comentários em “[RESENHA] Metrovinos : A Origem (Série Redenção) por M.A. Costa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s