Sete Minutos Depois da Meia Noite de Patrick Ness | RESENHA

– Histórias são o que há de mais selvagem – disse o monstro com um estrondo. – Histórias perseguem, mordem e caçam. | pág. 33

Este livro está sendo resenhado em parceria com a editora novo conceito.

FICHA TÉCNICA

divisor

Autor: Patrick Ness

Editora: Novo Conceito

Nº páginas: 160

ISBN: ISBN-13: 9788581638249 ISBN-10: 8581638244

Sinopse: Conor é um garoto de 13 anos e está com muitos problemas na vida.

A mãe dele está muito doente, passando por tratamentos rigorosos. Os colegas da escola agem como se ele fosse invisível, exceto por Harry e seus amigos que o provocam diariamente. A avó de Conor, que não é como as outras avós, está chegando para uma longa estadia. E, além do pesadelo terrível que o faz acordar em desespero todas as noites, às 00h07 ele recebe a visita de um monstro que conta histórias sem sentido.

O monstro vive na Terra há muito tempo, é grandioso e selvagem, mas Conor não teme a aparência dele. Na verdade, ele teme o que o monstro quer, uma coisa muito frágil e perigosa. O monstro quer a verdade.

Baseado na ideia de Siobhan Dowd, Sete minutos depois da meia-noite é um livro em que fantasia e realidade se misturam. Ele nos fala dos sentimentos de perda, medo e solidão e também da coragem e da compaixão necessárias para ultrapassá-los. (Editora Novo Conceito)

COMENTÁRIO

divisor

Em muitos momentos na vida, passamos por situações que estão totalmente fora do nosso controle.  Durante a minha infância, tive uma saúde um pouco frágil e estava constantemente no hospital, tomando soro na veia. Por muitas vezes, lembro de escutar minha mãe dizer que se pudesse tirar a dor que eu estava sentindo e colocar nela, só pra eu não sofrer, ela o faria. Mas, infelizmente, como todo mundo sabe, existem coisas que não estão no nosso controle. O tempo e o imprevisto sobrevêm a todos ! 

Sete Minutos Depois da Meia Noite irá tratar sobre uma situação dessa. Algo que nós não podemos mudar, mas apenas aprender a lidar. Conor é um menino com apenas 13 anos, mas com experiência suficiente para saber que sua mãe está mentindo quando diz que “está tudo bem” e que ela ficará bem com o novo tratamento para a doença que tirou seus cabelos e a deixou muitas vezes hospitalizada.

Sua vida está cercada por uma mãe muito doente, um pai que foi embora para “outra família”, uma avó que não aparece uma avó e um garoto que não o deixa em paz na escola. A situação é tão difícil, que a aparição de um monstro em sua janela – com uma aparência que lembra muito um Groot do mau – não parece ser nada de outro mundo.  O monstro gigante aparece sempre sete minutos depois da meia noite e , ao contrário do que muita gente pensaria, não deixa o pequeno Conor com medo.

Sob o olhar de Conor, os galhos mais altos da árvore se reuniam formando um rosto enorme e horrível, com boca e nariz e até mesmo olhos que o espiavam, cintilantes. | pág. 12

Logo no início da história somos apresentados ao monstro, que irá surgir com uma missão aparentemente fácil : ele irá contar três histórias a Conor e o garoto deverá contar a quarta. Conor sabe que a história se trata de um pesadelo que o atormenta, e que ele não tem coragem de dizer a ninguém. O pesadelo contem a VERDADE e o monstro veio para ajudar o pequeno garoto a descobri-la.

A livro é cheio de mistérios e te deixa durante toda a trama muito curioso para saber o que é o pesadelo e o que é a verdade que Conor deverá contar para o monstro – e para si mesmo. Uma história que, a principio, parece ser só mais um livro com uma aventura infantil, mas que esconde uma grande lição.

Por meio de uma história comovente, Patrick Ness nos ensina que nem tudo na vida está em nosso poder, e que muitas vezes nós temos que apenas reconhecer a verdade da situação.

– Você pode ter raiva que quiser – afirmou ela. – Não deixe que ninguém lhe diga o contrário. […] E, se você precisar quebrar as coisas, então, por Deus, quebre-as com vontade! | pág. 130

– Queria ter cem anos – disse ela, bem baixinho.- Cem anos para poder lhe dar. | pág. 131

Pra quem ficou curioso pela história, o livro também foi adaptado para o cinema, com um elenco fantástico que conta com Sigourney Weaver, Felicity Jones, Toby Kebbell, Lewis MacDougall e Liam Neeson (como o monstro <3).  Ainda não assisti ao filme (se não me engano, não foi lançado no Brasil ainda), mas quanto ao livro, eu super recomendo.

divisor

ACOMPANHE O HEY YSA NAS REDES SOCIAIS:

Facebook TwitterInstagram ▲ You Tube ▲ Pinterest ▲ Skoob

 

Anúncios

2 comentários em “Sete Minutos Depois da Meia Noite de Patrick Ness | RESENHA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s