[RESENHA] Redenção : Livro Um Legionella por M. A. Costa

Sou Peter Brose,nasci em 15 de setembro do ano do Nosso Senhor de 2501.

– pág.20

Enfim estou trazendo pro blog a resenha desse livro,que meu Deus,me fez ficar nervosa,ansiosa e muita apaixonada pelo personagem principal. A questão é,estou um pouco insegura pra fazer essa resenha por que Redenção é um livro muito cheio de detalhes e eu fico naquela “Será que isso é spoiler?” “Até onde eu conto?” Enfim… Vou tentar fazer o meu melhor haha

Pra quem ainda não está por dentro de tudo, Redenção é uma série de livros do autor carioca M. A. Costa. O primeiro livro foi lançado no final do ano passado,e no dia 8 desse mês houve o lançamento aqui em João Pessoa (post aqui).

FICHA TÉCNICA

Editora: Livros Ilimitados

ISBN: 9788566464504

Série: Redenção

Páginas: 242

Nota: ★★★★★

Sinopse: No século 26 um grupo racista desenvolve uma super bactéria que mata seletivamente. Peter Brose é o homem lançado a herói sem nunca tê-lo desejado. “Redenção – Legionella” é ambientado no século 26, um futuro não muito distante onde seres humanos vivem 200 anos. Eletrizante thriller policial recheado de ação e muito suspense, o livro retrata um futuro onde a própria existência da humanidade é colocada à prova. Ficção científica para quem tem nervos de aço. (Skoob)

O LIVRO

Chow Li joga uma pistola pra mim. É assim que começa a história de Peter Brose. Redenção se passa no século 26,onde,como nós já podemos imaginar,a sociedade conta com uma tecnologia muito avançada e a vida humana está bem diferente da que conhecemos. O homem conseguiu chegar a expectativa de vida de 200 anos e espera que logo possa chegar ao infinito. A cada 40 anos podem formar uma nova família,ter um novo emprego,uma nova infância,uma nova vida. Um sociedade totalmente nova, com novas regras,como controle de natalidade onde você só pode ter 2 filhos em toda a sua vida. Conhecemos então o universo complexo de Redenção.

Peter é um cara nerd. Nascido em Arkansas,um típico caipira,com 127 anos é graduado em Investigação Digital e Psicologia Digital pela Universidade do Brasil, e mesmo com a influencia de seu pai para atuar na política,nunca pensou em se envolver em tal área. Nunca até que a Guerra Eugênica surgisse.

A guerra não era contra países, povos, ou raças. Não era de brancos contra negros ou amarelos contra brancos. Não eram ricos contra pobre nem de partido político A contra partido político B. Era de um grupo genético contra o mundo. Era de quem se achava escolhido na loteria genética contra todos nós.

O que fez dessa guerra diferente é que não era uma luta entre países,mas sim entre pessoas diferentes entre si. A guerra era bacteriológica […] uma bactéria que mata seletivamente.

– pág.75

Um dia o mundo acorda da paz e o mal ressurge. Um grupo racista manipula uma bactéria,a legionella pneumophila,e consegue matar pessoas seletivamente em menos de 24 hrs. É nesse cenário que Peter se vê envolvido a investigação para achar os culpados desse ato racista e xenofóbico.

NÃO À MISCIGENAÇÃO

A TERRA ESTÁ SE EXAURINDO

VIVA A LIMPEZA GENÉTICA

Assinado: PPP.

– pág. 80.

Dr. Mirtes,esposa de Peter, é chamada para compor o grupo que estará a procura da cura e de resolver os mistérios ‘químicos’ envolvendo a bactéria,e por ter especialização em investigação digital,Peter é envolvido no caso. O fato é que ele percebe que deverá ir muito fundo se quiser descobrir o que o PPP está fazendo e como está envolvido nessa guerra. Isso acaba colocando o personagem em muitas cenas de ação e perseguição. A pressão de centenas de mortes em menos de 24 hrs leva Brose a se torna muito mais que um investigador digital. Leva ele  a fazer coisas que nunca imaginou que faria na vida.

O livro é muito cheio de detalhes. Algo que pessoalmente eu gostei muito foi o fato do autor citar eventos históricos que realmente acontecerão e ao mesmo tempo falar de vários ocorridos futuros,eventos formam parte do universo do Redenção. Todos os fatos são contados muito detalhadamente,explicando exatamente como as coisas chegaram a ser como são no século 26. As evoluções tecnológicas,a possibilidade de um elevador que leva até uma estação espacial,o fato do Brasil ter um dos melhores sistemas de educação e economia do mundo.

Na leitura também podemos conhecer personagens muito interessantes,como Valker Kipsang. Ex -detento, negro,alto,forte e presidente do PPP, Valker será um dos personagens a ter uma importante papel na trama.Sua genialidade e forma de vida pode fazer com que você,mesmo o odiando, admita que ele é um personagem muito forte e interessante.

Valker Kipsang era um homem mau. Nasceu mau e morreria mau. Conta a história que na juventude ele se gabava de ter inventado 35 maneiras diferentes de matar gatos. Já matou pequenos felinos rodopiando–os no ar pela cauda e atirando–os longe, já matou partindo–lhes a coluna. Já matou fazendo–os de bola de futebol. Foram 35 maneiras diferentes. Cada uma mais cruel que a outra.

– pág. 113.

Durante o livro nós temos a possibilidade de dar uma volta pelo mundo. Podemos andar desde Recife até o Quênia,na Africa. São muitos os cenários abordados. Um livro que daria um ótimo filme,por sinal.

Outro ponto muito interessante do livro são os Metrovinos, um povo que conseguiu sobreviver no subterrâneo após um terremoto de escala 8.1 em Xangai. Ali foi criada uma nova sociedade,com novos costumes,com novas regras. Princípios que tiveram de ser mudados para que aquelas pessoas presas a escuridão não morressem. Como essa sociedade sobreviveu e como está ligada ou como será afetada pela bactéria? Fica a questão para vocês descobrirem.

Por fim,gostaria de reforçar que recomendo este livro fortemente. É muito bem escrito e o autor tomou o cuidado necessário para fazer do universo do livro algo o mais real possível. Algo que o leitor possa ver e dizer “Isso pode acontecer!”. Por exato motivo vale salientar que essa bactéria existe,e assim como no livro,pode ser facilmente manipulada.

Enfim,estou mais que ansiosa pelo segundo livro,e pelo que li no epílogo,vai conseguir prender o leitor e ser uma leitura fantástica assim como foi o primeiro.

Ahh… e não posso deixar de falar que Peter Brose é meu mais novo crush literário. Ele superou Gus (A Culpa é das Estrelas) e Jor-El (Os Últimos Dias de Krypton). Atualmente divide lugar com o amado e nunca esquecido Mr.Darcy (Orgulho e Preconceito).

CURIOSIDADES (CONTEM SPOILERS)

★ O autor faz menção a vários símbolos da cultura geek,literária e pessoas que tiveram grande participação na história (nem sempre boas participações),como Hitler.

Gosto muito dos clássicos de ficção científica,dos filmes de uma época que chamamos de Era de Ouro de Hollywood.Seleciono Star Trek. Assistir as aventuras do Capitão James T. Kirk no espaço me pareceu absolutamente apropriado nesse momento.

-pág. 37

OBS: Tive a oportunidade conversar com o autor,e ele disse ser realmente apaixonado por Star Trek ❤

As histórias do lugar mágico inspirou um dos maiores autores que já tivemos ,o Sir Arthur Conan Doyle quando escreveu o ótimo livro O Mundo Perdido.

– pág. 55

★ Falando sobre os Metrovinos,há uma cena que me lembrou muito a Alegoria da Caverna de Platão (páginas 160 – 173). Jay,um garoto de 10 anos,descobre uma saída do subterrâneo e descobri um mundo lindo do lado de fora. Quando volta para contar a todos os que descobriu,os metrovinos não acreditam nele. Dizem que o mundo lá fora está morrendo e com lutas e guerras.Contaminado. Não sei se foi a intenção do autor (não tive oportunidade ainda de perguntar) mas a forma como fatos são contados e o resultado lembra muito o Mito contado por Platão.

É isso galera. Foi uma das resenhas mais completas que já fiz,mas estou tão animada com o livro que não poderia deixar de fazer o meu máximo escrevendo sobre ele. Um grande abraço e caso o M. A. Costa leia essa resenha,meus parabéns (de novo haha) pela grande obra que você escreveu.

Acompanhe o Blog nas redes sociais:

Facebook  Twitter Tumblr  Pinterest  Ask  Skoob

Anúncios

7 comentários em “[RESENHA] Redenção : Livro Um Legionella por M. A. Costa

  1. Oi, Ysa!
    A proposta do livro é bem interessante. Tenho uma curiosidade enorme para saber como o futuro será, além do fato de uma arma biológica ser um tema pertinente, já que tem um poder enorme, mas nem sempre é levado em conta pelas pessoas. Vou procurar pelo livro 🙂

    Ah, te indiquei para uma tag sobre séries. Se você quiser responder, esse é o link http://leitoresforever.blogspot.com.br/2015/02/tag-series-seriados-cris.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s